Relatório de due diligence de direitos humanos apresentado na ONU - CIDSE

Relatório de due diligence sobre direitos humanos apresentado na ONU

Um novo relatório descrevendo os instrumentos existentes e as opções disponíveis para os Estados cumprirem seu dever de garantir que as empresas não contribuam para violações dos direitos humanos foi apresentado na segunda-feira 3 em dezembro nas Nações Unidas em Genebra.

O relatório é resultado do “Projeto de Due Diligence de Direitos Humanos”, que a CIDSE apoiou organizando a consulta regional da América Latina no Peru em outubro passado.

No ano passado, um grupo de especialistas (Mark Taylor, professor Olivier de Schutter, Robert Thompson e professora Anita Ramasastry) reunidos pelo Mesa Redonda Internacional de Responsabilidade Corporativa (ICAR), a Coalizão Européia de Justiça Corporativa (ECCJ) e os Rede Canadense de Responsabilidade Corporativa (CNCA), examinou a questão de como os Estados cumprem seu dever de proteger usando sua autoridade reguladora para incentivar ou determinar o comportamento de devida diligência em direitos humanos pelas empresas. Seu exame foi informado por consultas privadas com mais de advogados, profissionais e representantes da sociedade civil de cada continente.

O CIDSE contribuiu para o projeto organização da consulta regional da América Latina em Lima, Peru, com organizações parceiras que trabalham com comunidades e povos indígenas que enfrentam violações de direitos e criminalização de protestos sociais no contexto de indústrias extrativas.

O relatório oferece a interpretação dos instrumentos existentes e as opções disponíveis para os Estados cumprirem esse dever. Foi lançado no início de dezembro em um evento paralelo da Fórum das Nações Unidas sobre Empresas e Direitos Humanos, com um discurso do deputado Richard Howitt, membro do Parlamento Europeu.

O CIDSE participou do Fórum com uma delegação de representantes da Secretaria do CIDSE, organizações membros e parceiros. Felipe Burgueño de CEREAL (México) e Victor Ricco de CEDHA (Argentina) falou em painéis sobre “Acesso a recursos não judiciais” e “O papel da estrutura de governança global”, respectivamente. Aldo Caliari, do Centre of Concern, membro da CIDSE nos Estados Unidos, falou em um painel sobre “O papel do setor financeiro no avanço dos Princípios Orientadores”.

Leia o relatório.

Contato: Denise Auclair

Siga no Twitter via @CIDSE e #businessforum

Lançamento do relatório de convite para eventos

Compartilhe esse conteúdo nas mídias sociais
Protegido por miniOrange