Bispos latino-americanos levantam suas vozes pela Amazônia - CIDSE

Bispos latino-americanos levantam suas vozes para a Amazônia

23 2019 agosto

Os bispos da América Latina exortaram os governos da região amazônica, as Nações Unidas e a comunidade internacional a “tomar medidas sérias para salvar o pulmão do mundo”. 

Os bispos da América Latina conclamaram os governos da região amazônica, as Nações Unidas e a comunidade internacional a “tomar medidas sérias para salvar o pulmão do mundo” enquanto milhares de incêndios continuam devastando a floresta amazônica no Brasil.

Em um comunicado divulgado ontem, em 10 de agosto, pela Junta do CELAM, órgão coordenador das conferências episcopais da América Latina, os bispos enfatizam o significado planetário da Amazônia e “a seriedade dessa tragédia, cujo impacto não é meramente local, ou mesmo regional, mas em escala planetária ”.

O apelo, intitulado “Elevamos nossa Voz pela Amazônia”, é assinado pelo Presidente do CELAM Miguel Cabral, Arcebispo de Trujillo, Peru, e pelos dois Vice-Presidentes, Cardeal Odilo Scherer, Arcebispo de São Paulo, Brasil, e Cardeal Leopoldo José Brenes, Arcebispo de Manágua, Nicarágua.

Os bispos destacam a importância e transcendência dos incêndios no contexto do Sínodo sobre a Amazônia em outubro próximo. “A esperança do vizinho Sínodo para a Amazônia, convocado pelo Papa Francisco, se converteu em profunda dor por causa dessa tremenda tragédia natural. Aos nossos irmãos indígenas que vivem naquela amada floresta tropical, expressamos nossa proximidade e unimos nossas vozes às suas para gritar ao mundo por solidariedade e atenção imediata a esta devastação ”.

Compartilhamos as declarações completas aqui abaixo:

Compartilhe esse conteúdo nas mídias sociais